Atividades

 

O programa do CAPACETE foi concebido como uma fluida e adaptável plataforma de intercâmbio entre os participantes e os palestrantes e interlocutores. O programa irá anualmente oferecer nove seminários ministrados por 9 professores de diferentes origens. Os seminários terão a duração de 3 a 5 dias. Cada palestrante também fará uma palestra aberta ao público em geral. Para além disso, diferentes palestras, apresentações e eventos serão organizados ao longo do ano com outros conferencistas convidados.

Uma das ambições do nosso programa é fazer com que cada programa anual culmine em um projeto coletivo, concebido pelos participantes, e que poderá assumir qualquer formato (apresentações, performances, publicações, exposição, seminário, etc.). No entanto, de acordo com a lógica participativa do nosso projeto , ao invés de enquadrar isso como uma exigência, preferimos concebê-lo como um potencial cuja realização será decidida pelos próprios participantes .

Os participantes também serão incentivados a desenvolver projetos individuais. A utilização das instalações do CAPACETE o uso do escritório e do espaço expositivo, assim como outras infra-estruturas, serão disponibilizados para tais projetos , e o contato com instituições e agentes locais também será agenciado. O programa irá organizar viagens para diferentes locais, de acordo com o interesse do grupo de participantes selecionados (caminhadas, seminários em diferentes locais, etc.), e para isso, iremos colaborar com organizações similares no Brasil e na América do Sul.

Encontros individuais com profissionais locais e visitantes, bem como visitas a estúdios de artistas locais também serão oportunamente organizados. É importante notar que o CAPACETE não é um programa baseado em práticas de estúdio ou atelier. Instalações de trabalho estarão disponíveis e poderão ser organizadas levando em consideração caso a caso, mas espaços de trabalho designados especificamente, não serão fornecidos automaticamente para cada participante.

Algumas viagens também serão organizados uma vez que o grupo esteja constituido e deve levar em conta a programação geral do ano. Exemplo: viagem de estudo para Minas Gerais, projeto que faz parte do seminário de Carla Zaccagnini; uma viagem para outro país da america latina )deve ser realizada na medida que as finanças possibilitam) etc.

Nossa residência no Edifício COPAN, em São Paulo, será de pleno proveito para os participantes em suas visitas a São Paulo e para diversas formas de colaboração com profissionais desta cidade.